Cuidados para enfrentar as altas temperaturas

O verão este ano terá temperaturas acima da média em quase todo o Brasil. Temperaturas excessivamente altas estão ocorrendo com mais frequência, devido ao desmatamento e à poluição nas grandes cidades. Com a chegada das altas temperaturas, os cuidados com a exposição ao calor e ao sol são essenciais.

Alguns cuidados essenciais para se proteger do sol e do calor

– evite exposição direta ao sol, principalmente entre 10h e 16h;

– o uso de filtro solar torna-se indispensável. Aplique-o 30 minutos antes da exposição ao sol e reaplique-o a cada duas horas. Não se esqueça de passar nas mãos, orelhas, nuca e pés;

– proteja os olhos com óculos escuros de boa qualidade;

– use chapéu ou boné;

– use roupas adequadas, leves, claras e que não retenham muito calor;

– não faça atividades físicas cansativas sob o sol;

– evite esforços físicos e repouse em locais com sombra e arejados;

– não deixe crianças e animais em veículos estacionados.

Cuidados com a alimentação e a hidratação são essenciais

– prefira frutas, verduras e alimentos frescos;

– cuidado com a conservação, manuseio e preparo dos alimentos, a fim de se evitar intoxicação alimentar, mais comum nesta época do ano;

– coma alimentos leves, pouco condimentados e saudáveis;

– faça pequenas refeições mas com maior frequência;

– aumente a ingestão de água ou sucos naturais (sem açúcar) mesmo sem ter sede. A hidratação é fundamental para que o organismo mantenha a temperatura ideal de funcionamento;

– prefira bebidas frescas e não muito geladas;

– evite bebidas alcoólicas, gaseificadas ou muito doces;

– ofereça água a bebês, crianças, idosos e enfermos, pois eles podem não sentir sede.

Cuidados em ambientes fechados

– feche cortinas e/ou janelas mais expostas ao calor;

– facilite a circulação de ar, mantendo o ambiente bem ventilado ou climatizado;

– dentro do carro, utilize ar condicionado ou mantenha as janelas abertas.

– utilize umidificador de ar, toalhas molhadas ou baldes de água para manter o ambiente úmido;

Cuidados com a saúde

– Mantenha medicamentos abaixo de 25ºC (ler as instruções de armazenamento na embalagem);

– caso tenha alguma doença crônica ou tome muitos medicamentos, procure aconselhamento médico ou farmacêutico;

– em caso de mal estar, busque um lugar fresco e beba água ou suco de frutas para reidratar;

– tome banhos mornos;

– evite mudanças bruscas de temperatura.

Sinais de alerta

O aumento da temperatura pode ter efeitos prejudiciais à saúde, como insolação, desidratação e doenças de pele.

Os principais sinais de alerta do calor excessivo são: transpiração excessiva, sede, cansaço, fraqueza, tontura, náuseas, dor de cabeça, cãibras, desmaio. Caso isso ocorra, repouse em local fresco e beba líquidos.

Em caso de insolação (pele vermelha, quente e seca, sem suor, pulso rápido, dor de cabeça, tontura, confusão ou agressividade, temperatura do corpo elevada, perda de consciência e até convulsões) procure imediatamente assistência médica. Enquanto não chegar ao atendimento médico, mantenha a pessoa em local fresco ou refrigerado e tente baixar sua temperatura com banho frio, compressas de gelo ou envolva o corpo em lençóis molhados.

E lembre-se de que crianças, idosos, grávidas, pessoas doentes, doentes crônicos (especialmente cardíacos ou com pressão alta) ou pessoas acamadas são mais suscetíveis ao calor, portanto o cuidado deve ser ainda maior.

Fontes

  • https://agenciagov.ebc.com.br/noticias/202311/ministerio-da-saude-reforca-orientacoes-e-cuidados-durante-onda-de-calor-
  • https://www.gov.br/saude/pt-br/assuntos/onda-de-calor-
  • https://www.nationalgeographicbrasil.com/meio-ambiente/2023/11/estas-cidades-estao-prontas-para-se-tornarem-paraisos-climaticos-
  • https://www.prefeitura.sp.gov.br/cidade/secretarias/upload/saude/folder_calor_08_2021.pdf

Author picture

Este artigo foi publicado por PHARMÁCIA ESSENCIAL

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

plugins premium WordPress